Sobrinho de Dan Câmara recebe R$ 2 milhões por câmeras de segurança

Após o prefeito de Presidente Figueiredo, Romeiro Mendonça nomear o coronel da Polícia Militar (PM), Dan Câmara como secretário Municipal de Ordem Pública no município, o Amazonas1 teve acesso a documentos que mostram que a empresa de um sobrinho do coronel recebe todos os valores de contrato firmado para prestação de serviços de locação de câmeras, equipamentos, instalação, manutenção corretiva e preventiva do sistema de videomonitoramento da cidade.
O contrato foi firmado em 2017. (Foto: Montagem/Amazonas1)
De acordo com o contrato firmado entre a empresa e a prefeitura do município, a empresa Logic Pro Serviços de Tecnologia da Informação Ltda, pertencente a Claudioney Alves da Silva ganhou a licitação com valor global de R$ 2.016.000,00 para o fornecimento dos serviços. Em um dos documentos, a Comissão de Licitação da cidade enfatiza que o valor disponível para o certame era de R$ 2.350.800,00, e com a contratação da empresa a prefeitura economizou R$ 334.800,00.
 
Leia Mais
Servidores de Presidente Figueiredo são proibidos de falar com a imprensa
Prefeitura de Presidente Figueiredo deixa alunos sem transporte escolar
MP entra com recurso para cassar prefeito e vice de Presidente Figueiredo
Romeiro Mendonça divulga só parte dos gastos com festa: R$ 1,37 milhão
‘Presidente Figueiredo’ esconde gastos com a Festa do Cupuaçu
 
O contrato foi firmado em 2017 e terá vigência até 2020, segundo informações oficiais da prefeitura. Em 2017, foram liberados R$ 392 mil, em 2018 e 2019, será liberado o valor de R$ 672 mil em cada ano e em 2020, serão liberados R$ 280 mil, somando o valor total de R$ 2.016 mil.

Ainda segundo o documento, ‘doze câmeras, sendo oito speed dome e quatro fixas, um software com tecnologia de ocr com capacidade de futura integração de reconhecimento facial, servidor de armazenamento, software para visualização, monitoramento e extração de imagens, link de dados via fibra óptica foram contratos para instalação na região urbana da cidade’. A contratação inclui, ‘treinamento e todo material necessário para o perfeito funcionamento do sistema do parque de câmeras de monitoramento’.
A fonte que nos forneceu os documentos confirmou o parentesco entre Dan Câmara e Claudioney Alves.
Confira os documentos da contratação

O post Sobrinho de Dan Câmara recebe R$ 2 milhões por câmeras de segurança apareceu primeiro em Amazonas1.