Jovens entre 15 e 29 anos podem viajar de graça pelo Brasil; saiba como

Brasil ID Jovem Noticias do amazonas

O acesso à meia-entrada em eventos artísticos, culturais e esportivos, além de descontos – ou mesmo gratuidade – em viagens interestaduais é direito dos jovens de baixa renda entre 15 e 29 anos. O acesso a esses benefícios é garantido por meio da ID Jovem, um documento que deve ser emitido por meio de aplicativo no celular ou pela internet.

A ID Jovem é destinada aos jovens pertencentes à família com renda mensal de até dois salários mínimos e inscritos no Cadastro Único do governo federal, com informações atualizadas há pelo menos 24 meses.
Regulamentada em outubro de 2015, a ID Jovem se tornou realidade em dezembro de 2016, após amplo debate entre o governo federal e setores da sociedade civil.
Passo a passo
Além de estar dentro da faixa etária beneficiada pelo programa (entre os 15 aos 29 anos), é preciso ter renda mensal de até dois salários mínimos e estar inscrito no Cadastro Único do Governo Federal, com informações atualizadas há pelo menos 24 meses.
Caso seja necessário atualizar os dados do Cadastro Único, o usuário pode procurar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) ou o setor responsável pelo Cadastro Único em sua cidade.
Para a emissão é preciso ter em mãos o Número de Identificação Social (NIS), impresso no Cartão Cidadão, no extrato do FGTS e na Carteira de Trabalho.
Pela internet, acesse o site da ID Jovem, preencha os dados solicitados e gere seu cartão. Para utilizar, imprima a imagem do cartão e a apresente no momento da aquisição do bilhete ou ingresso acompanhada de documento oficial com foto.
Pelo celular, o usuário deve fazer o download do aplicativo da ID Jovem, disponível para Android, iOS e Windows Phone. O próximo passo é preencher com NIS e os dados cadastrais solicitados e gerar o cartão virtual da ID Jovem.
Não é necessário imprimir, apenas apresente a imagem do cartão dentro da validade na tela de seu celular no momento da aquisição do bilhete ou ingresso acompanhada de documento oficial com foto.
Gratuidade no Enem
Um dos benefícios garantidos pela ID Jovem é a gratuidade nas inscrições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
Jovens de famílias carentes com renda familiar per capita de até 1,5 salário mínimo têm direito à isenção no Enem 2017 informando apenas o Número de Identificação Social (NIS) no momento de preencher a ficha de inscrição. Essa gratuidade também é estendida a todos os estudantes que estão concluindo o Ensino Médio em escolas da rede pública, desde que preencham a inscrição de maneira correta.
Como usar a ID Jovem
O Bilhete de Viagem do Jovem deve ser solicitado com antecedência de, no mínimo, 3 horas em relação ao horário de partida do transporte. A isenção ou o desconto valem apenas para o valor da passagem — a taxa de embarque, pedágios ou quaisquer outras despesas são cobrados a parte.
A compra deve ser feita diretamente no guichê, a ID Jovem não é válida para compra através da Internet.
Segundo o coordenador nacional do programa, a fiscalização está empenhada para garantir que as empresas aceitem a ID Jovem. Caso não cumpram com o direito dos usuários, elas serão multadas.
O post Jovens entre 15 e 29 anos podem viajar de graça pelo Brasil; saiba como apareceu primeiro em Amazonas1.