Candidatos fazem manifestação e querem anulação do concurso da Seduc

Participantes do concurso da Secretaria de Estado de Educação do Amazonas (Seduc) realizam na manhã desta quarta-feira, 11, às 10h, na frente da sede do Ministério Público do Amazonas (MP-AM), uma manifestação pedindo o cancelamento do certame e da banca organizadora, que é do ‘Instituto Acesso de Ensino, Pesquisa, Avaliação, Seleção e Emprego (Instituto Acesso)’. O anúncio foi feito na noite de terça-feira, 10, por meio das redes sociais.
O concurso foi realizado no domingo, 8. (Foto: Reprodução)
De acordo com o texto, os organizadores pretendem solicitar a anulação do certame por meio de uma liminar junto ao MP-AM e o ato tem a finalidade de chamar a atenção da sociedade e do governo para que a continuidade do concurso seja impedida.
Um dos trechos da chamada para o ato público, diz que o pedido de anulação do exame é preciso para que exista “legalidade e legitimidade com a educação”.
Irregularidades
Desde o dia do exame, dia 8 de julho, candidatos denunciam irregularidades como malotes adulterados, transporte irregular de provas, atraso na chegada das provas em alguns locais, troca de provas entre municípios, dentre outros problemas.
Na tarde de ontem 10, o Ministério Público de Contas do Amazonas (MPC-AM) ingressou com uma representação junto ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM) pedindo a suspensão do certame, diante das denúncias, além do fato da empresa organizadora ter sido contratada sem licitação, segundo divulgou o Portal Amazonas1, em abril deste ano.
 
 
 
 
O post Candidatos fazem manifestação e querem anulação do concurso da Seduc apareceu primeiro em Amazonas1.