Aprovados no concurso da Susam acampam na sede do órgão e cobram convocação

Manaus Noticias do amazonas

(Foto: Heuder Arruda)
Na manhã desta terça-feira (08), aprovados no concurso da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), iniciaram uma manifestação na frente da sede do órgão, localizado na Avenida André Araújo, bairro Aleixo, Zona Centro-Sul da capital. Os manifestantes pedem convocação de mais de 2.200 aprovados e classificados no concurso realizado em 2014.
Os aprovados já haviam realizado uma manifestação há duas semanas com o objetivo de obter alguma resposta do Governo do Estado, mas ainda não receberam qualquer posicionamento, segundo a assistente social Gracilene Medeiros.
De acordo com a assistente social, o grupo resolveu acampar no local até receber um posicionamento em relação às convocações e reclama que em outras áreas existe investimento, menos na saúde.
No último dia 25, o grupo já havia realizado um manifesto fazendo a mesma reivindicação, ocasião em que interditaram a Avenida André Araújo. Após a manifestação a Susam informou que estava preparando uma nova chamada para o concurso de 2014, com base na necessidade das unidades de saúde e na finalização do processo de posse da última convocação feita em fevereiro.
Reajuste
Os servidores da Secretaria de Estado de Saúde também têm feito algumas reivindicações, entre elas, o reajuste salarial da categoria. No mês passado, os servidores do Movimento Organizado dos Trabalhadores da Saúde (Most-AM) fizeram uma manifestação no Centro de Convenções Vasco Vasquez para cobrar do governo o reajuste salarial de 30%.
Além do reajuste de 30%, referente aos anos de 2015, 2016, 2017 e 2018, eles pedem um aumento do vale alimentação para R$ 600 e a valorização dos profissionais.
O governo ofereceu uma contraproposta de 7,8% referente a 2017/2018 e de 17,44% referente a 2015/2016  pagos parcelados. E o vale alimentação de R$320, mas o acordo não foi aceito pela categoria.

O post Aprovados no concurso da Susam acampam na sede do órgão e cobram convocação apareceu primeiro em Amazonas1.