O filho dela nasceu perfeito. 14 semanas depois tudo mudou…

Kellie Haddock sofreu um trágico acidente de carro na Florida, em 2004, que mudou totalmente o rumo de sua vida.
Ela, seu marido AJ  e o bebê Eli de 2 meses estavam no carro. Infelizmente AJ morreu na hora e o bebê ficou gravemente ferido.
No hospital, os médicos disseram a Kellie que mesmo que Eli sobrevivesse, ele provavelmente não seria capaz de andar, falar ou demonstrar algum tipo de emoção.
Graças a equipe médica que atendeu prontamente o bebê, Kellie pôde levá-lo para casa uma semana depois do ocorrido, quase que milagrosamente.
Eli cresceu e se tornou um menino saudável.
Dez anos depois do acidente, Kellie procurou toda a equipe médica que salvou a vida de seu filho. Ela não poupou esforços para conseguir encontrar cada um deles, desde os socorristas do helicóptero, médicos e enfermeiros. Depois de seis meses de pesquisas, ela conseguiu localizar todos e marcar marcar um encontro.
Em seu blog, Kellie disse que eles são “heróis” e que precisava agradecê-los por tudo o que fizeram pelo seu filho.

Assista o encontro no vídeo abaixo onde ela conta sua trágica história, agradece aos profissionais e os convida para um jantar especial.
Quase todos os profissionais afirmaram para Kellie que nunca tinham recebido um agradecimento de ex-paciente e ela diz que espera influenciar mais pessoas a serem gratas às pessoas que impactaram suas vidas.
“Há tanta coisa errada no mundo e é tão fácil de apontar o que as pessoas estão fazendo de errado. Nós raramente usamos nosso tempo para perceber quando as pessoas estão fazendo as coisas direito”, disse ela. “Eu quero ser uma pessoa que observa quando alguém faz algo certo. Quanto melhor seria o mundo se todos nós passássemos mais tempo focando o que é certo em vez do que há de errado?”, questiona.

Qual sua opinião? Comente no final